Jun 28

Teste avalia desempenho anaeróbio em atletas de ginástica

ginasticaartisticaNa Escola de Educação Física e Esportes (EEFE) da USP, pesquisadores validaram um teste destinado a aferir o desempenho físico anaeróbio em atletas de Ginástica Aeróbica Esportiva, modalidade que ainda não é olímpica, mas que tem praticantes em todo o mundo. Denominado Specific Aerobic Gymnast Anaerobic Test (SAGAT), o teste é inédito na modalidade.

“Agora temos uma ferramenta que possibilita aferir o desempenho dos atletas com maior precisão de forma rápida e segura”, descreve Christiano Robles Rodrigues Alves, doutorando do Departamento de Biodinâmica do Movimento do Corpo Humano da Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP. A validação do teste foi um trabalho conjunto entre Christiano e o profissional de Educação Física Marcello Tadeu Caetano Borelli, sob a supervisão do professor Guilherme Artioli, da EEFE. Continue reading

Aug 30

Formação da ginasta envolve exigência e pressão

gymnastA ginástica artística é um esporte que exige do atleta controle do corpo, força, coordenação, flexibilidade, equilíbrio e, sobretudo, elegância. Atributos conquistados à base de muito treinamento e disciplina.

Esses aspectos são influenciados por uma cultura própria da modalidade em que as ginastas aprendem, desde o início do seu processo de formação, a lidar com as exigências e a pressão em busca da perfeição técnica. Continue reading

Jun 24

Ginástica Rítmica Desportiva

“Exaltação do movimento da velocidade, do dinamismo contínuo, o que interessa é captar e revelar a própria sensação dinâmica, a multiplicidade de sensações que o homem do século XX percebe simultaneamente, desdenhar de todas as formas imitativas e glorificar todas as formas originais reeducando o olho humano”.(Marinetti, 1876-1944).

As belas palavras do pintor italiano Fellippo Marinetti se referem ao futurismo, uma arte em sintonia com a “era das máquinas”, da velocidade, do trabalho, da agitação que se definia esteticamente como renovador, antitradicional, heróico e dinâmico.

A Ginástica Rítmica é um esporte, mas assim como o futurismo, também deve ser analisada com olhos artísticos, pois a beleza e suavidade dos movimentos ginásticos e toda sua inventividade e criação exprimem esteticamente o renovador, o antitradicional, o heróico e o dinâmico em contraponto aos movimentos básicos utilizados usualmente pelo homem. Continue reading

Jun 23

Estudo aponta que não há relação entre ginástica artística e estatura

Na ginástica artística existe um mito de que meninas que praticam o esporte não crescem tudo que poderiam. No entanto, uma pesquisa da Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP realizada com 51 ginastas, ex-atletas de alto nível, revelou que a grande maioria alcançou ou superou o potencial de estatura esperado. O professor Raul Alves Ferreira Filho, que também foi técnico de atletas de destaque durante 15 anos, colheu dados de 51 ginastas e de seus familiares para verificar se elas haviam atingido a altura prevista por parâmetros genéticos.

Foi constatado que 70,58% igualaram ou superaram a estatura-alvo, sendo que a média de superação foi de 2,4 cm. A ginasta que registrou maior diferença apresentava 15,5 cm a mais do que a altura esperada; e a que apresentou menor diferença tinha 0,5 cm a mais. As que não atingiram a estatura-alvo (29,41%) ficaram em média 3,4% menores do que a estatura prevista. A ex-atleta que ficou mais próxima do alvo tinha 0,02 cm a menos; e a que ficou mais distante tinha 8,5 cm a menos do que o resultado da fórmula. Continue reading

Jun 22

Ginásticas Artística e Rítmica: impactos no crescimento?

Graças aos Jogos Pan-Americanos, muitos esportes de baixa visibilidade têm a oportunidade de aparecer. Um deles que vem se destacando é a Ginástica Artística (GA), tanto masculina quanto feminina. Entretanto, a GA causa intriga entre várias pessoas como pais, praticantes, profissionais da área da saúde, amantes do esporte e “curiosos”, devido à baixa estatura dos atletas, associando-a a desordens no crescimento, sendo até contra-indicada por profissionais desatualizados. Continue reading