Oct 13

Ginseng: É um agente ergogênico?

Introdução

A raiz do ginseng (gêneros da família Araliaceae) representa um dos medicamentos mais antigos utilizados pelos humanos. Por mais de 6000 anos seu uso foi promovido, na China, como a cura de quase todas as doenças imagináveis. Atualmente o consumo desta raiz tem aumentado muito, principalmente nas últimas 3 décadas. Em sua composição o ginseng possui: Carboidratos, proteínas, vitaminas A, B, C, E, Cálcio, Ferro e Fósforo.

Além de ter como principio ativo as Saponinas, também chamadas de Ginsenosídeos, dos quais já foram isolados mais de 10 tipos: R0, Rb1, Rb2, Rc, Rd, Rg1, Rg2, Rg3 e Rh. A propaganda do ginseng como estimulante do sistema nervoso central, aumento do estado de alerta e raciocínio e aumento do VO2 Max estão deixando uma pergunta no ar: Será que ele funciona?

Vários atletas, praticantes de atividade física e pessoas que estão estudando para vestibulares e concursos, estão usando o ginseng com objetivo de melhorar da sua capacidade física e mental. No meio esportivo, os atletas estão sempre buscando formas de aumentar a performance, assim a procura por “substâncias” com propriedades ergogênicas é constante.

Sabe-se que os agentes farmacológicos são os principais ergogênicos utilizados, entretanto o alto risco associado com os testes antidoping fizeram com que os atletas procurassem por alternativas legais, particularmente suplementos nutricionais ergogênicos. (Williams, 1995). Continue reading

Oct 11

Maioria dos diabéticos está acima do peso

emagremusculacaoPesquisa realizada pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP, em que foram entrevistados 218 pacientes diabéticos, detecta que apenas 8,7% deles estão com o Índice de Massa Corporal (IMC) normal. Outros 91,3% que participaram da pesquisa estão com sobrepeso (31,19%) ou obesos (60,09%).

Segundo a pesquisadora Anna Claudia Martins Coelho, os resultados apontam que os diabéticos não seguem as dietas e práticas propostas pelos profissionais da saúde. “Os pacientes disseram que seguem, em média, as recomendações médicas referentes à alimentação apenas durante quatro dias por semana. Já os exercícios, apenas em dois.” Continue reading

Sep 28

Treinos de força e creatina evitam perda de massa muscular

creatinafuncionaNa Escola de Educação Física e Esportes (EEFE), trabalho do professor Bruno Gualano indica que a suplementação de creatina, principalmente quando aliada a um programa de treinamento de força, promove ganho de massa muscular e força em pacientes com disfunção muscular e sarcopenia — condição de baixa massa muscular que afeta muitos idosos e os predispõe à mortalidade.

Os benefícios do suplemento estão descritos em sua tese de livre-docência intitulada Estudos sobre eficácia terapêutica da suplementação de creatina. Gualano é docente do Departamento de Biodinâmica do Movimento Humano da EEFE. Continue reading

Aug 03

Creatina e exercícios melhoram fragilidade em idosas

creatinaeexerciseA suplementação de creatina aliada ao treinamento de força em pessoas idosas do sexo feminino melhorou a função muscular e massa magra. O resultado é de uma pesquisa que envolveu 60 mulheres idosas (com idades entre 62 e 79) com fragilidade.

Segundo o professor Bruno Gualano, da Escola de Educação Física e Esportes (EEFE) da USP, tal constatação indica que a suplementação do nutriente associada ao exercício, em mulheres idosas, pode ser um terapêutica eficiente no combate ao envelhecimento. Continue reading

Aug 03

Dicas sobre a ingestão de proteínas

proteinsbsA proteína é o principal componente orgânico dos nossos músculos, o que nos leva a inevitável conclusão que estimular a síntese protéica significa estimular o processo de construção muscular. Uma das principais preocupações para que isto ocorra é através da ingestão adequada de proteínas e aminoácidos.

Continue reading

May 30

Boas relações em tratamento amenizam transtorno alimentar

anorexiaPesquisa realizada por equipe da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP aponta que vínculo entre pacientes com transtornos alimentares (TAs) e profissionais da saúde aumenta a adesão ao tratamento. Por outro lado, a rotatividade de funcionários dos hospitais dificulta a criação de laços entre as duas partes.

No estudo desenvolvido pela psicóloga Tatiane Mitleton Borges Ramos, foram analisadas 15 pacientes, todas do sexo feminino e em tratamento no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP) da USP. Continue reading

May 11

Atividade física na gravidez beneficia gestantes

exercicioparagestanteFazer exercícios físicos durante a gravidez traz benefícios para a gestante, já que provoca um ganho de massa gordurosa menor, como mostra a pesquisa de mestrado da nutricionista Carolina Harumi Kurashima, na Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP.

Ela também descobriu que, dependendo do estado físico inicial da mãe, a alteração na sua composição corporal é diferente. Em relação aos bebês, eles nascem com maior peso quanto maior a quantidade de água corporal e o aumento de massa livre de gordura na gestação. Continue reading

Mar 11

Jejum intermitente: Vale a pena?

jejumA busca por corpos esculturais é uma crescente no mundo moderno, em especial no Brasil. Com a constante mudança dos padrões estéticos o apelo vem de todas as partes, televisão, cinema, revistas, propagandas, onde homens e mulheres parecem ter vindo do Olimpo.

Em nome da incansável luta pela conquista do corpo ideal, novas abordagens de emagrecimento surgem frequentemente, algumas poucas são razoáveis e fundamentadas, outras tantas são tendenciosas e livres de qualquer respaldo científico. Continue reading

Feb 09

Entenda o funcionamento do metabolismo

weight_webCertas pessoas comem muito e não engordam. Outras reclamam que os problemas com o peso são agravados pela idade. Já algumas mulheres não entendem o motivo de seus parceiros, sem muito esforço, emagrecerem mais rápido do que elas. Afinal, por que tudo isso acontece?

A endocrinologista Junia Schweizer, professora do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da UFMG, afirma que o metabolismo pode ser responsável por essas variações. O sistema metabólico é o que comanda a produção de energia para manter o funcionamento do nosso corpo e controla o ritmo de nosso organismo, realizando diversas reações químicas e fisiológicas. Continue reading

Feb 04

Dietas hipocalóricas têm redução de peso semelhante

dieta saudavelA dieta de baixa caloria (hipocalórica) tradicional e a baseada no sistema de pontos apresentaram resultados semelhantes na redução de peso em adolescentes obesos, como mostra pesquisa da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP).

O estudo envolveu 66 jovens residentes na cidade de São Paulo, que foram avaliados pela nutricionista Mara Della Santa Dovichi Mendes. A redução do peso foi progressiva e significativa nas duas dietas. O número de pacientes que concluíram o tratamento foi maior entre os adolescentes que seguiram a dieta tradicional. Continue reading