Jun 16

Seja ativo nos diferentes estágios da vida…

old_woman_walking… e tenha uma boa saúde para a vida toda.

Comer bem e ser fisicamente ativo é importante em todas as fases da vida, não importa quão jovem ou velho somos.

O fato de nossos corpos precisarem de coisas diferentes nos diferentes estágios de nossa vida, o que comemos e bebemos, os tipos e quantidades de atividades físicas e suas necessidades, podem variar ao longo da vida. As necessidades nutricionais nos primeiros anos de vida diferem, por exemplo, daquelas do período médio da infância, da adolescência e da fase adulta.

No início da vida

Desde o início, alimentação saudável e atividade física fazem uma grande diferença para a nossa saúde. O período da gravidez é um momento muito importante. A mãe deve se manter ativa e se alimentar adequadamente para dar ao seu filho o melhor começo de vida possível.

As alterações fisiológicas decorrentes de uma gravidez sem complicações, não representam nenhuma contraindicação para a prática de atividades físicas, assim como não se espera qualquer tipo de lesão ao feto. Alguns casos apresentam contraindicações relativas e absolutas de origens médicas e ginecológicas que devem ser observadas.  Continue reading

Dec 06

Treinamento aeróbico para crianças

vo2criancasO volume máximo de oxigênio (VO2max) representa uma variável indispensável na avaliação da capacidade aeróbica de crianças. O VO2max aumenta ao longo da segunda infância de acordo com o aumento das dimensões corporais. Crianças com idades inferiores aos 12 anos não apresentam diferença significativas entre os gêneros, embora os meninos obtenham valores no VO2 max maiores a partir dos 5 anos de idade. Geralmente as crianças apresentam um VO2max relativamente alto (48 e 58ml/kg.min). Valores bem acima daquele que indica um bom nível de condicionamento aeróbico de sujeitos adultos (42 ml/kg/min).

Alguns estudos investigaram a diferença entre gêneros num programa de treinamento aeróbico sobre o VO2max de crianças impúberes. Um destes estudos investigou 85 crianças entre 10 e 11 anos de idade. 35 crianças (17 meninas e 18 meninos) foram envolvidas em um programa de treinamento de corrida de 13 semanas e 50 crianças (22 meninas, 28 meninos) participaram do grupo controle. Cada criança foi avaliada em um teste progressivo e contínuo em um ciclo ergômetro antes e após o período de treinamento de 13 semanas sob as mesmas condições e procedimentos. O consumo de oxigênio, dióxido de carbono, ventilação e frequência cardíaca (FC) foram monitorados continuamente durante o teste. Continue reading

Apr 02

2 de abril – Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo

Chamamos de Autismo a condição clínica determinada por uma configuração neuropsicobiológica, que tem como resultado dificuldades na interação social, no desenvolvimento da linguagem e na abertura para interesses do mundo ao redor.

Para informar e conscientizar sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA), o dia 2 de abril foi eleito como o Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo, uma data para esclarecer e diminuir o preconceito em relação ao tema.

Jul 27

Complicações causadas pela obesidade infantil

A obesidade pode afetar praticamente todos os sistemas orgânicos no corpo da criança, incluindo:

BEM-ESTAR 

  • Baixa autoestima
  • Depressão
CÉREBRO
  • Aumento da pressão que causam dores de cabeça e visão dupla (diplopia).

PULMÕES

Dec 01

Musculação e crianças: incompatíveis?

musculacaocriancasIntrodução

A musculação, que também pode ser entendida por treinamento de força é uma modalidade de exercícios que ainda tem uma visão estereotipada e preconceituosa por parte daqueles que não vivem sua realidade, e até mesmo no meio dos profissionais que deveriam estar atualizados com o conhecimento científico produzido nesta área. Quando falamos na aplicação desta atividade em certos grupos, conhecidos como especiais, a controvérsia é ainda maior.

As crianças são uma população que comumente encontram resistência na prática da musculação, pois se argumenta que esta prática é consideravelmente prejudicial ao seu crescimento e desenvolvimento. Esta é uma atitude muito comum, embora nada normal. O normal seria que todos os profissionais envolvidos, direta ou indiretamente, com o exercício físico, estivessem a par do que diz a ciência à respeito deste tema, e não advogassem contra uma prática esportiva por medo e ignorância. Continue reading

Jan 17

10 erros que não devemos cometer na educação alimentar da criança

dietachildren1. Dizer Sempre Sim: A criança sem limites vai abusar das calorias e das guloseimas. Devemos ter um dia por semana e situações em que podemos ser mais liberais.

2. Lanches Fora de Hora: Já dissemos que o ideal são 6 refeições diárias e evitar as beliscadas fora desses horários.

3. Oferecer Comida Como Recompensa: “ Coma toda a sopa para ganhar a sobremesa”. Passa a ideia de que tomar sopa não é bom e que a sobremesa é que é o máximo.

4. Ameaçar Castigos para Quem Não Cumpre o Combinado: “ Se não comer a salada, não vai ganhar presente”. Isso somente vai aumentar o ódio que a criança sente das saladas. Continue reading

Sep 04

Crianças, adolescentes e exercícios: Você está fazendo isso certo?

childtrainingIntrodução

Atualmente diversas doenças crônicas, tais como diabetes e osteoporose, que eram comuns apenas em adultos e idosos, estão a cada dia mais frequentes em crianças e podem ser evitadas com estratégias saudáveis e exercícios físicos (DANEMAN et al., 2009; MAGGIO et al., 2012; ARAB AMERI et al., 2012).

É fato que o sobrepeso e obesidade são os grandes responsáveis pelo aparecimento de tais doenças, tanto por suas características inflamatórias, como também por sua relação com a falta de exercícios físicos adequados e má alimentação. Há relatos de que quanto maior a exposição à TV e computador, maior o risco para o ganho de peso, e isso se dá não apenas pela falta de exercícios, mas, principalmente, pela influência para o consumo de alimentos não saudáveis (KYRIAZIS et al., 2012). Continue reading

Aug 30

Crianças em movimento

Atividades físicas na infância devem respeitar particularidades de cada faixa etária

criancaemmovimentoA prática de atividade física regular desde a infância pode gerar benefícios para toda a vida. O bom hábito previne problemas como pressão alta, obesidade, diabetes, além de algumas doenças cardiovasculares em idade precoce.

Porém, para crianças e adolescentes, a prática merece cuidados especiais. Por apresentarem maior vulnerabilidade física e emocional, o estímulo aos exercícios deve variar conforme interesses e objetivos, observando-se as principais etapas do desenvolvimento infantil. Continue reading

Aug 30

Promoção de saúde é pesquisada em contexto escolar

Um schoolbusestudo da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP fez um levantamento sobre a ligação entre as práticas de promoção de saúde e o contexto escolar. No projeto, verificou-se que o tema saúde é muito abordado nas atividades escolares, de modo que ícones e símbolos conhecidos da área de saúde puderam ser identificados nos desenhos e discursos dos alunos.

A tese de doutorado do médico Eduardo Alexander Júlio César Fonseca Lucas trabalhou com crianças em idade escolar, buscando identificar um diálogo entre o ambiente da sala de aula e as políticas de saúde. “Na pesquisa, fomos instigados a compreender e explorar melhor o universo dos sentimentos dos escolares pesquisados, a partir do desenho infantil e dos significados emergidos destes”, afirma Lucas. Continue reading

Jul 26

Observação do brincar evidencia ação motora e social infantil

child_playingObservando crianças em uma brinquedoteca pode-se concluir muito a respeito de suas ações motoras e interações sociais. As que têm de 4 a 5 anos, por exemplo, preferem manipular brinquedos a se locomover. Em estudo de mestrado realizado na  Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP, a professora de educação física Deise de Oliveira Rezende também verificou diferenças entre o comportamento motor dos meninos e das meninas e garante que algumas delas têm influência social. Continue reading