Feb 12

Alterações imunes e hormonais do estresse estão associadas ao gênero

Experimentos do Instituto de Ciências Biológicas (ICB) da USP demonstraram que homens, ao enfrentarem uma situação de estresse agudo, sofrem mais alterações hormonais relacionadas ao estresse (ACTH e cortisol) e na imunidade do que as mulheres. O estudo investigou as alterações na imunidade ocasionadas pela indução de estresse agudo em pessoas com ou sem fobia social.

Para sua pesquisa de doutorado, a psicóloga Alessandra Fernandes Faustino aplicou um método de indução de estresse agudo em dois grupos: um experimental, composto por 13 pessoas (7 mulheres e 6 homens) com diagnóstico de fobia social, e um de controle, no qual as 19 pessoas (7 mulheres e 12 homens) não tinham nenhuma patologia psiquiátrica. Os membros de ambos os grupos tinham de estar saudáveis do ponto de vista físico e psicológico e não podiam estar passando por situações difíceis no trabalho e na família. No grupo com fobia social não foram incluídas pessoas com outros transtornos como, por exemplo, a depressão. Continue reading