Jun 30

A Criação de Jogos no Contexto Escolar

Introdução

Este trabalho está sendo desenvolvido desde 2003, em uma escola municipal do Rio de Janeiro, com turmas de 5ª a 8ª séries, com o intuito de desenvolver o potencial criativo do educando, ampliar sua visão de mundo, trazer para dentro da escola sua cultura corporal e incentivá-lo a desenvolver a sua capacidade produtiva, levando-o a perceber que não basta receber passivamente informações, que precisam trabalhá-las, vivenciá-las, para que se tornem conhecimento.

A criação de jogos desafia o aluno a se superar, mesmo que no início não se sinta à vontade, aos poucos vai se envolvendo com a proposta e busca em suas experiências subsídios para construir sua concepção de jogo. Passa a se sentir dono daquela idéia, ou seja, percebe que está no domínio do processo, mesmo que esteja trabalhando em um pequeno grupo. É neste estágio que se explica ao educando através de conversas informais, que ele também pode dominar todo seu processo de aprendizagem, pois o mesmo envolvimento, interesse e participação efetiva são necessários às outras disciplinas. Continue reading