Feb 12

Pesquisa da FMUSP constata ganhos à saúde, em idosas, derivados da prática de exercícios

Exercícios físicos regulares e a pratica de esportes de alta intensidade são fatores que melhoram a qualidade de vida e diminuem os sintomas de depressão entre mulheres com mais de 60 anos. É isso que indica um estudo feito por pesquisadores da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP).

A iniciativa da pesquisa surgiu da “discussão sobre a prática de exercícios de alta performace em mulheres idosas e suas possíveis repercussões sobre a qualidade de vida em seus múltiplos aspectos”, garante um dos responsáveis pelo estudo, Luiz Eugênio Garcez-Leme. Segundo ele, essa faixa etária foi utilizada pelo fato de as mulheres com mais de 60 anos serem parte da atenção específica da geriatria, e também por ser um grupo que pratica poucos exercícios, ainda mais como o que foi avaliado. Continue reading